Caminhoneiros protestam contra alta do diesel e fecham rodovias na Bahia; confira

Caminhoneiros interromperam o trânsito em diversas rodovias da Bahia nesta quarta-feira (23), no terceiro dia de protestos contra o aumento do preço do diesel. A mobilização ocorre em todo o país.

Há interrupções no tráfego registradas na BR-324, BR-11, BR-101, BR-407, BR-242, BR-020, BR-330, BA-526 e BA-535. Entre as cidades afetadas estão Simões Filho, Santo Estevão, Itatim, Vitória da Conquista, Milagres, Jequié, Poções, Nova Viçosa, Teixeira de Freitas, Senhor do Bonfim, Jaguarari, Barreiras, Luís Eduardo Magalhães, Itaberaba, Alagoinhas, Muritiba, Cruz das Almas, Ipiaú, Conceição do Almeida, Feira de Santana, Capim Grosso, Gandu, Itabuna, Teolândia, Tancredo Neves, Seabra e Riachão do Jacuípe. Confira:

BR-324
Km-604: Os dois sentidos da rodovia foram interditados em trecho da cidade de Simões Filho, região metropolitana de Salvador. Os caminhoneiros queimaram objetos para fechar as pistas, causando um engarrafamento de cerca de três quilômetros. Por volta das 9h45, funcionários da ViaBahia, concessionária que administra a via, conseguiram apagar o fogo e liberaram o trânsito.

Km-441: Na altura de Riachão do Jacuípe, os veículos de carga estão parados em postos de combustíveis e ao longo do acostamento, sem prosseguir viagem. Equipe da PRF está no local e trânsito flui normalmente.

BA-526 (Cia-Aeroporto)

Km-12: Desde às 6h, caminhoneiros protestam no local, na rodovia conhecida como Cia-Aeroporto, na região metropolitana de Salvador. Os dois sentidos da rodovia estão parcialmente interditados, com liberação apenas para carros de passeio.

BA-535 (Via Parafuso)

Km-10: Por volta de 8h45, começou um protesto de caminhoneiros na Via Parafuso, também na região metropolitana de Salvador, que afeta os dois sentidos da rodovia. Os manifestantes liberam apenas a passagem de carros e ônibus.

BR-116

Km-421: Manifestação dos caminhoneiros promove interdição parcial de pista, na altura de Feira de Santana. Veículos de carga estão sendo impedidos de continuar viagem.

Km-459: Ambos os sentidos estão interditados em Santo Estevão, cidade que fica a cerca de 150 quilômetros de Salvador, entretanto veículos pequenos ou com cargas vivas não estão sendo parados.

Km-517: Manifestação de caminhoneiros no acostamento da rodovia e na área externa de um posto de combustíveis, na altura de Itatim, sudoeste da Bahia. O local está com sinalização, mas não há engarrafamento. Manifestantes só param caminhões e carretas.

Km-520: Também em Itatim, os manifestantes realizam protesto no acostamento e na área de um posto de combustíveis. Apenas caminhões e carretas estão sendo parados, e o trânsito flui normalmente.

Km-539: Na altura da cidade de Milagres, a cerca de 230 quilômetros de Salvador, o protesto de caminhoneiros para carretas e caminhões que passam pelo local. Os veículos estão no acostamento e na área de um posto de combustíveis. Não há registro de congestionamento.

Km-672: Uma manifestação de caminhoneiros foi registrada na altura de Jequié, no sudoeste da Bahia. O local conta com sinalização no eixo da pista e as carretas e caminhões parados no protesto estão no acostamento e na área de um posto de combustíveis. O tráfego flui normalmente.

Km-758: Caminhoneiros também se concentram na altura da cidade de Poções, sudoeste da Bahia. Os veículos estão parados no acostamento e área dos postos de combustíveis. Apenas caminhões e carretas estão sendo parados.

Km-814, Km-817 e Km-837: Três pontos de protestos de caminhoneiros são registrados em Vitória da Conquista. Nos três casos, apenas caminhões e carretas estão sendo parados, portanto não há congestionamentos.

BR-101

Km-204: Em Muritiba, os veículos de carga estão parados às margens da rodovia. O tráfego está liberado para os demais veículos.

Km-251: Protesto dos caminhoneiros em Conceição do Almeida está parando veículos de carga às margens da rodovia. O tráfego está liberado para os demais veículos.

Km-507: Em Itabuna, no sul da Bahia, os caminhoneiros usam pneus e objetos para interditar os dois sentidos da pista. Equipe da PRF no local, entretanto não há informações sobre a extensão do congestionamento.

Km-361: Interdição parcial da rodovia foi registrada na altura de Gandu, no sul do estado. Veículos de carga são impedidos de prosseguir viagem, entretanto o tráfego está liberado para os demais veículos.

Km-349: Na altura de Teolândia, uma manifestação parcial só impede a passagem de veículos de carga.

Km-340: Manifestação de caminhoneiros interrompe o trânsito parcialmente em Tancredo Neves. Apenas caminhões são impedidos de prosseguir viagem.

Km-920: Os caminhoneiros permanecem aglomerados às margens da rodovia e em estabelecimentos do local, na altura de Nova Viçosa. Os manifestantes abordam os veículos de carga para convencer seus condutores a aderir ao movimento.

Km-805: Os veículos de carga estão concentrados às margens da rodovia, na altura de Itamaraju. Não há interdição da via, e o fluxo no local é considerado normal.

BR-330

Km-772: Em Ipiaú, foi registrada interdição total da rodovia, sem previsão de liberação. Os manifestantes atearam fogo em pneus, que são usados para fechar a via.

BR-407

Km-131: Protesto dos caminhoneiros realiza Interdição parcial da pista, em ambos os sentidos, na altura de Senhor do Bonfim. Eles colocaram pneus, galhos e cones sob a via, formando obstáculos que obrigam a diminuição da velocidade dos carros. Os veículos de carga são impedidos de passar.

Km-230: Na altura da cidade de Capim Grosso, ocorre uma interdição parcial de pista em ambos os sentidos. Os manifestantes colocaram objetos na pista, obrigando os carros a diminuírem a velocidade. Os veículos de carga são impedidos de passar.

BR-242

Km-391: Manifestação de caminhoneiros é registrada no acostamento da via, na altura de Seabra. Não há interdição da pista. Apenas caminhões e carretas são impedidos de passar.

Km-203: Em Itaberaba, manifestação ocorre no acostamento da rodovia. Apenas caminhões e carretas são impedido de prosseguir viagem.

Km-783: Manifestantes colocaram objetos na pista, na altura de Barreiras, oeste da Bahia, para que os motoristas diminuam a velocidade no local.

Km-875 e Km 890: Caminhoneiros permanecem aglomerados às margens da rodovia e em estabelecimentos próximos, em Luís Eduardo Magalhães, oeste da Bahia. Veículos de carga são convencidos a parar.

BR-020

Km-205: Manifestantes estão no acostamento da rodovia e em estabelecimentos próximos, na altura de Luís Eduardo Magalhães. Apenas veículos de carga são impedido de prosseguir viagem.

Fonte: G1 Bahia
Caminhoneiros protestam contra alta do diesel e fecham rodovias na Bahia; confira Caminhoneiros protestam contra alta do diesel e fecham rodovias na Bahia; confira Reviewed by Agmar Rios on 5/23/2018 12:11:00 PM Rating: 5

Nenhum comentário