Prefeito de Baixa Grande, Heraldo Miranda recusa discussão sobre recurso previsto do precatório que deverá ser rateado com os trabalhadores em educação

Foi realizado no dia 19 de abril do ano em curso um seminário com a proposta de melhores esclarecimentos sobre o rateio do precatório FUNDEF previsto a entrar no orçamento do município de Baixa Grande-BA, até junho de 2018. 

De acordo com a legislação o recurso pode ser utilizado na EDUCAÇÃO não havendo nenhum impedimento do rateio para ( professores e não docentes) sendo 60% destinado para o pagamento dos professores e 40% para os demais funcionários e melhorias na estrutura física e pedagógica da educação do município.

O evento contou com a presença do coordenador geral da APLB e pré-candidato a deputado estadual professor Rui Oliveira (PCdoB), Cristiano Rodrigues, Arismario Sena, Dr. Noildo Gomes e também alguns estudantes da rede municipal da cidade.

A coordenação estendeu o convite aos vereadores e demais personalidades presentes, justamente por eles serem os representantes em conjunto com a comissão jurídica da APLB que buscam um diálogo com os gestores municipais contemplados no estado da Bahia, região e todo território nacional.

Além disso, na ocasião também foram tratados temas pertinentes como a situação política do Brasil, onde resultou num debate informativo e proveitoso, satisfazendo os questionamentos do público presente.

Por fim, os trabalhadores e a comunidade presentes, se surpreenderam com a postura do Sr. Prefeito Heraldo Alves Miranda, que em resposta ao ofício enviado pela APLB para discutir temas de interesse da categoria, NAO ACEITA discutir PRECATÓRIO na reunião marcada para dia 30 desse mês. Contrariando as afirmativas de seus correligionários que propagam que o prefeito reconhece os direitos dos trabalhadores em educação.

O que ficou demonstrado na atitude do prefeito Heraldo, foi o descaso com a educação e desrespeito aos trabalhadores. Diante da resposta antidemocrática do prefeito em dialogar sobre precatório FUNDEF, o Coordenador Regional Cristiano Rodrigues juntamente com os demais dirigentes propuseram realizar um Ato Público dia 09/05 aprovado por toda categoria.

Satisfeitos pela realização do Evento, todos os profissionais em Educação e convidados parabenizam a direção do Núcleo APLB na Pessoa da Professora Ena Mayana e Professor Gudembergue.

Fonte: APLB/ Baixa Grande.


Prefeito de Baixa Grande, Heraldo Miranda recusa discussão sobre recurso previsto do precatório que deverá ser rateado com os trabalhadores em educação Prefeito de Baixa Grande, Heraldo Miranda recusa discussão sobre recurso previsto do precatório que deverá ser rateado com os trabalhadores em educação Reviewed by Agmar Rios on 4/20/2018 09:11:00 PM Rating: 5
Postar um comentário