Peça encontrada em Monte Gordo passará por análises na Ufba; resultado sai sexta

Fragmento teria caído no distrito após clarão visto no céu por baianos.

O fragmento encontrado em Monte Gordo, atribuído como meteoro por populares, após o clarão que iluminou o céu de cidades da Bahia na última terça-feira (20), será analisado pelo Instituto de Geociências da Ufba (IGeo) e pela Escola Politécnica da Ufba, ambas da Universidade Federal da Bahia (Ufba). As análises serão iniciada na próxima segunda-feira (26) e devem ficar prontas até sexta (2).

A professora Débora Rios, estudiosa de amostra de rochas extra-terrestres (meteoritos), conta que dois estudos serão realizados: uma análise de carbono para descobrir a idade do material e uma análise metalúrgica, incluindo um exame de fratura da superfície, que deve identificar qual é o tipo de liga metálica e qual segmento da indústria que a usa. “Pode ser a indústria espacial, a naval, a bélica, ou outras. Através disso, a gente consegue descobrir qual é o material”, contou Débora. Um pedaço da peça seria enviada para Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) na próxima segunda-feira (26), mas a pesquisa será totalmente realizada em Salvador.

Relembre o caso

Um clarão misterioso foi visto por dezenas de moradores de Salvador, Lauro de Freitas e Simões Filho, na noite da última terça-feira (20). Moradores da Rua Guajirus, na localidade de Monte Gordo, em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador, relataram um clarão misterioso seguido de um estrondo no local. No bairro Cascalheira, a 6km da Praia de Guarajuba, moradores garantem que um pedaço do corpo celeste que cruzou o céu da Bahia caiu por lá - entre 21h30 e 22h, precisamente no terreno do motorista Edinei da Silva Almeida, 37, pai de Ravine Almeida, 12 anos.

Levado por uma equipe de TV para o Instituto de Geociências da Ufba (IGeo), a peça foi analisada pela professora Débora Rios. Segundo ela, não se trata deste tipo de corpo celeste, mas de um fragmento metálico que ainda precisa ser analisado. "O meteorito é um fragmento de rocha ou de ferro de origem espacial que sobrevive a paisagem na atmosfera terrestre e cai na superfície", explicou Débora.

“É uma peça metálica, manufaturada, feita pelo homem”, concluiu a professora. Segundo ela, não é possível ainda dizer que foi este o artefato que provocou o clarão e o estrondo de ontem, nem mesmo se a peça realmente caiu do céu. O artefato tem forma de coração e dimensões aproximadas de 20x20 cm e pesa aproximadamente 3kg. O metal está escurecido e com deformações, o que indica que foi submetido a altas temperaturas, aponta a professora. 

“Camaçari é uma região industrial, então pode ser que tenha sido algo que saiu de uma explosão ou que já estivesse lá há tempos”, cogitou. Outras hipóteses levantadas sobre a causa do clarão no céu de ontem são a de um pedaço de um foguete russo que teria explodido no dia 16 de fevereiro ou de um fragmento de um asteroide que estaria previsto para passar pela Terra ontem às 20h30, segundo a Nasa.

Fonte: Correio 24 Horas
Peça encontrada em Monte Gordo passará por análises na Ufba; resultado sai sexta Peça encontrada em Monte Gordo passará por análises na Ufba; resultado sai sexta Reviewed by Agmar Rios on 2/23/2018 11:56:00 PM Rating: 5

Nenhum comentário